La Vierge, les Coptes et Moi (The Virgin, the Copts and Me) Reviews

  • Jan 20, 2014

    A touching comedy, which under the appearance of amateurism says more than it seems on a small community of Egypt and the Copts in general and on the tender attachment of a young emigrant to his family and his cultural origins. I have found particularly moving the casting for the role of the Virgin ... The whole sounds very authentic, without any heaviness or excessive pathos. It is a beautiful and poignant testimony on the eve of the Revolution which proves that one needs more intelligence and sensitivity than a big budget to make a good movie...

    A touching comedy, which under the appearance of amateurism says more than it seems on a small community of Egypt and the Copts in general and on the tender attachment of a young emigrant to his family and his cultural origins. I have found particularly moving the casting for the role of the Virgin ... The whole sounds very authentic, without any heaviness or excessive pathos. It is a beautiful and poignant testimony on the eve of the Revolution which proves that one needs more intelligence and sensitivity than a big budget to make a good movie...

  • Oct 10, 2012

    Namir é de origem egícpcia mas foi criado na França. Ele decide voltar ao Cairo para fazer um filme sobre a miraculosa aparição da Virgem Maria numa comunidade cristã copta, em Zeitoun, um distrito da cidade. Ninguém da igreja concorda em cooperar com o cético Namir, que encontra também resistência de seus parentes. Ele decide partir para seu vilarejo natal, onde se reconecta com uma vida provinciana e parentes que não via há tempos. Enfrentando todas as dificuldades para realização do filme, ele terá de contar com a inesperada ajuda da mãe, uma das testemunhas da aparição.

    Namir é de origem egícpcia mas foi criado na França. Ele decide voltar ao Cairo para fazer um filme sobre a miraculosa aparição da Virgem Maria numa comunidade cristã copta, em Zeitoun, um distrito da cidade. Ninguém da igreja concorda em cooperar com o cético Namir, que encontra também resistência de seus parentes. Ele decide partir para seu vilarejo natal, onde se reconecta com uma vida provinciana e parentes que não via há tempos. Enfrentando todas as dificuldades para realização do filme, ele terá de contar com a inesperada ajuda da mãe, uma das testemunhas da aparição.